CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Chegada de Robinho traz lucro ao Santos

Clube pode receber R$ 20 milhões de patrocinador
(Crédito: Ivan Storti)
Robinho é mais um grande jogador que volta para o Brasil. Nesta segunda-feira, o atacante foi apresentado em grande estilo na Vila Belmiro. Durante a sua passagem de seis meses no Santos, o clube pretende elevar as suas receitas com o Rei do Drible. Para isso, algumas ações de marketing já estão programadas.

O aumento mais substancial deve ser no valor do patrocínio do Peixe. Com a Semp Toshiba, diferentemente dos R$ 8,5 milhões anunciados oficialmente, o Alvinegro recebia cerca de R$ 5 milhões. De acordo com o gerente de novos negócios e patrocínios, Eduardo Musa, o valor pode chegar aos R$ 20 milhões.

– É possível, sim. O mercado publicitário rege de acordo com a visibilidade. O Santos é um dos clubes mais visados nesse começo de ano. Nossa administração está modernizando o clube, a parceria com a WWF (World Wide Fund For Nature, Fundo Mundial para a Natureza) foi boa, o time chegou à final da Copa São Paulo, trouxemos Giovanni e Robinho. É um número difícil, mas possível – diz o dirigente.

Uma das novidades já confirmadas pelo cartola é o lançamento de um boneco de Robinho. Além disso, Musa prevê um aumento de 100% nas vendas de camisas do Alvinegro no período em que o Rei do Drible estiver no Peixe.

– Na apresentação teve um bonequinho dele. Não temos meta de venda de camisas, mas comparando com o mês de janeiro do ano passado, tivemos uma melhora muito grande. Acho que vamos conseguir um aumento de 100% de vendas neste período dele por aqui - afirma Musa

O gerente de marketing do clube da Baixada, Armênio Neto, enxerga nos produtos licenciados uma grande fonte de receita. E ele cita um exemplo visto no Manchester City (ING) que deu certo.

– O cachecol do Mancini (técnico do City) é sucesso de vendas na loja deles. A venda de produtos licenciados com a imagem do Robinho atrelada a marca Santos é um grande ponto. Podemos alavancar resultados em cima disso. O torcedor pode esperar novidades nesta semana – afirma o gerente.

Se souber aproveitar o efeito Robinho, além de conquistar títulos, o Peixe tem tudo para faturar alto também fora dos gramados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário