CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

sexta-feira, 5 de março de 2010

Peixe vence o Paulista e se mantém lider

De A Tribuna On-line
Em um jogo dificíl, o Santos venceu o Paulista de Jundiaí, por 3 a 2, no Estádio Jayme Cintra, e manteve a vantagem de quatro pontos para o vice-líder do Paulistão, o Santo André.
O Peixe viajou ao interior com dois pensamentos: a décima vitória consecutiva na temporada e a manutenção dos quatro pontos de vantagem para o vice-líder Santo André. Mas com o apito inicial do árbitro Wilson Luiz Seneme, a equipe santista sentiu que a tarefa não seria fácil.
Logo aos 2 minutos, o atacante Barboza aproveitou passe de Baiano e a desatenção de Roberto Brum para abrir o placar para o Paulista.
Preso e com dificuldades para organizar suas jogadas de ataque, o Peixe só levou perigo ao goleiro Vinicius aos 12 minutos, com um chute de Wesley, desviado pela zaga jundiaiense.
Com o passar do tempo, o Alvinegro se mostrou mais organizado. E, aos 22 minutos, Léo arrancou pela esquerda e cruzou para André, entre dois zagueiros, cabecear próximo a meta do Galo da Japi.
O gol era iminente, e veio aos 26 minutos: Wesley construiu bela jogada pelo lado direito e ao invadir a grande área chutou cruzado, empatadando o confronto.
A partir daí, o Santos passou a ter mais posse de bola. Mas foram os anfitriões que levaram perigo. Aos 44 minutos, Emerson puxou um contra-ataque e deixou Eli Sabiá frente a frente com Felipe, mas o zagueiro concluiu para fora.

Missão cumprida

No retorno para a segunda etapa, o Santos resolveu mostrar sua verdadeira identidade: a vocação ofensiva. Com velocidade, criou três boas oportunidades, em menos de cinco minutos.|
Aos 7 minutos, Marquinhos obteve escanteio para o Alvinegro. Na cobrança achou Paulo Henrique na pequena área que cabeceou para virar a partida.
Porém a alegria santista não durou muito. Após cobrança de falta de Baiano, Julinho ficou com o rebote e tratou de igualar a partida.
O empate do Paulista foi a senha para Dorival Júnior mandar a campo o atacante Robinho. O Rei das Pedaladas, que estava no banco de reservas por conta do amistoso da Seleção Brasileira na última terça-feira, correu para o aquecimento e ingressou aos 17 minutos no lugar de Neymar.
Sete minutos mais tarde, o craque entortou o zagueiro do Paulista com dois dribles e finalizou. A bola, antes de entrar, bateu no travessão e caiu dentro do gol de Vinicius. Com a vantagem no marcador e com Robinho em campo, o Santos passou a jogar na base dos contra-ataques.
Aos 34 minutos, após cruzamento de Marquinhos, Durval teve duas chances para definir a vitória santista, mas foi travado em cma da linha.
Aos 38 minutos, os donos da casa até chegaram ao gol de empate, porém anulado por impedimento. O Santos não quis se arriscar mais no ataque e aguardou o apito final da partida. Com a vitória, o Peixe volta para casa com os objetivos traçados conquistados

Nenhum comentário:

Postar um comentário