CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Campanha tenta sensibilizar Dunga para escalar Neymar e Ganso

O que já faz parte do sonho de muitos torcedores brasileiros e que alimenta discussões acaloradas motivou uma campanha que embarcou na onda e ganhou 10 placas de publicidade espalhadas por Campo Grande: a escalação de Paulo Henrique Ganso e Neymar, jogadores do Santos, na Seleção Brasileira de Futebol.
Nas placas, a mensagem em fundo azul é clara. Pede ao técnico Dunga que se sensibilize com o futebol arte da dupla de ataque santista e os convoque a Seleção, atendendo ao clamor popular.
A mensagem é assinada por “Amantes do Futebol Arte”: Alô Galvão, fala pro Dunga: Ganso e Neymar na Seleção.
“É uma discussão que já está nas ruas. Talvez seja a primeira vez que se torna motivo de campanha publicitária. Mas é um sentimento de todos que primam pelo futebol arte”, explica Chico Maia, presidente da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul) e um dos responsáveis pela campanha.
Segundo Maia, a campanha também incentiva outras discussões, entre elas a escalação e o futebol burocrático apresentado pela Seleção nos últimos anos, apesar dos bons resultados.
“A gente nem sabe a escalação da Seleção. Isso é muito chato. Antigamente se sabia quem eram os jogadores, a disputa entre titulares e reservas. Hoje são jogadores que são reservas em times europeus e ninguém conhece”, reclama Chico Maia.
Influência ou não da campanha da Capital, o fato é que a discussão chegou até o programa Bem Amigos, do Sportv. Do técnico do Santos, Dorival Júnior, ao zagueiro do São Paulo, Miranda, a opinião é a mesma.
“É uma campanha nacional. O dunga já sofre a pressão. É unanimidade. É a vontade popular de quem curte o futebol arte e valoriza quem é melhor”, finaliza o presidente da Acrissul.

Fonte: Campo Grande News

Nenhum comentário:

Postar um comentário