CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

terça-feira, 20 de abril de 2010

Julgamento é adiado e Paulo Henrique está liberado para primeira partida

Globoesporte.com
Ganso seria julgado pela cotovelada que acertou em Dagoberto no primeiro jogo das semifinais
O Santos não corre mais o risco de perder Paulo Henrique Ganso para a primeira partida da final do Paulistão, contra o Santo André, domingo, às 16h (horário de Brasília), no Pacaembu. O jogador seria julgado nesta segunda-feira pela cotovelada que acertou em Dagoberto, do São Paulo, no primeiro jogo das semifinais, domingo retrasado, no Morumbi. No entanto, o advogado alvinegro, João Vicente Gazolla, pediu mais tempo para analisar o caso e produzir provas de que o gesto do meia santista foi involuntário.
O Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo aceitou o pedido do Santos e o julgamento foi adiado para o dia 26. Ganso foi denunciado com base no artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (praticar agressão física). Caso seja condenado, pegará de quatro a 12 jogos de suspensão, ficando fora da finalíssima, marcada para o dia 2 de maio.
Ganso conversou com João Vicente Gazolla nesta segunda-feira sobre o seu caso. O jogador garante estar tranquilo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário