CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL
CLIQUE NA FOTO E SEJA LEVADA À MAIOR LOJA DE BIQUÍNIS DO BRASIL

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Santos vence o Atlético-MG por 3 a 1 e carimba sua classificação às semifinais

A Tribuna
O futebol ofensivo do Peixe deu certo mais uma vez. O Santos venceu o Atlético Mineiro por 3 a 1, na Vila Belmiro e chega as semifinais de Copa do Brasil. Na próxima fase o Peixe encara o Grêmio, que eliminou o Fluminense.
A necessidade de vencer a partida fez o técnico Dorival Júnior escalar o Santos com três atacantes. E a escolha do treinador se mostrou positiva assim que o árbitro Jaílson Macedo Freitas iniciou o confronto.
Antes dos dois minutos, a equipe santista já havia chegado com perigo duas vezes à área do Galo. E com maior posse de bola, a superioridade do Peixe se transformou em gol aos 18 minutos. Neymar avançou até a grande área da equipe mineira e cruzou para André, que, mesmo marcado, empurrou a bola para o fundo das redes, fazendo o primeiro do Santos.
O time de Minas teve que sair para o ataque e até deu sinais de que dificultaria o duelo na primeira etapa. Mas a reação não foi além de uma bola na trave de Diego Tardelli, aos 34 minutos.
O susto serviu para despertar o Alvinegro da Vila Belmiro. E dez minutos depois, Pará, com um belo passe, achou Robinho invadindo a área; o atacante dominou a bola e tocou para Neymar fazer o segundo gol do jogo. Mas a comemoração foi ligeira, pois aos 45 minutos, Correia aproveitou uma confusão na zaga do Santos e diminuiu para os atleticanos.
Na segunda etapa, o Santos tratou de ampliar a vantagem logo aos 4 minutos. Robinho cruzou pelo lado direito, e Paulo Henrique aproveitou o erro no corte da zaga rival e tocou para a chegada de Wesley. O meia dominou e chutou para fazer 3 a 1.
Com a vantagem no marcador, o Santos passou a administrar a partida. A equipe passou a tocar a bola no meio-campo e tentar carimbar a classificação na base do contra-ataques. Aos 36 minutos, Fabiano fez falta em Paulo Henrique e recebeu o segundo cartão amarelo na partida, deixando o Atlético-MG com um jogador a menos.
A partir dai foi só continuar administrando a vitória e a vaga nas semifinais da Copa do Brasil. O Galo foi depenado no terreiro santista.

Ficha técnica:

SANTOS x ATLÉTICO-MG

Santos: Felipe; Pará, Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Wesley e Paulo Henrique Ganso; Robinho, André (Maraquinhos) e Neymar (Zé Eduardo)Técnico: Dorival Júnior.

Atlético-MG: Aranha; Carlos Alberto, Werley, Jairo Campos e Júnior (Marques); Zé Luís, Correa (Evandro), Fabiano e Ricardinho (Leandro); Diego Tardelli e Muriqui Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Gols: André, Neymar, Correa minutos e Wesley
Público e renda: 14.245 pagantes/R$ 278.400,00
Estádio: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Árbitro: Jaílson Macedo Freitas (BA)

Nenhum comentário:

Postar um comentário